Feiras de Negócios: as grandes aliadas no posicionamento das marcas

Numa época em que temos disponível uma infinidade de tecnologias  para  dar agilidade aos negócios, estreitar relacionamentos, encurtar distâncias e facilitar as rotinas de trabalho, uma coisa é certa:  nada substitui o contato humano.

A maioria dos profissionais de comunicação e marketing concorda: as feiras de negócios têm, ainda hoje, um papel estratégico e dos mais importantes como mídia presencial.  São excelentes termômetros para a economia e trazem à tona o seu lado mais vivo, formando um gigantesco balcão de negócios.

Por tudo isso, as feiras são o cenário perfeito para promover e fixar marcas, além de criar vínculos com clientes atuais e antigos, impactar nossos públicos, trocar conhecimento, avaliar o mercado e a concorrência.

São poucas as empresas que aproveitam ao máximo todas as possibilidades que as feiras oferecem. Isso porque os orçamentos estão cada vez mais reduzidos e trabalham com um retorno financeiro muito calculado. Estudos das entidades ligadas ao segmento (ABEOC e ABRAF) mostram que normalmente, apenas 33% dos negócios são fechados durante as feiras e 67% são fechados em até 12 meses após sua realização.

Posicionar bem sua marca num evento desse tipo é como fazer um “strike” no jogo de boliche ou converter o pênalti que garante o campeonato de futebol. O tiro precisa ser certeiro. Seja como expositor, patrocinador, palestrante, ou tudo isso ao mesmo tempo, participar de uma feira é uma das melhores oportunidades de oferecer ao mercado uma experiência inesquecível de inteiração com sua marca por meio do contato direto.

Olhar 360º sobre a marca

Escolhido o evento a participar, o primeiro passo para o sucesso é ter claro os objetivos, as prioridades da empresa, os resultados a serem alcançados, os impactos e as ações pós-evento.

Não se pode esquecer ainda de uma análise cuidadosa de todas  as formas de promoção da marca no recinto ou pavilhão de exposições, tais como patrocínio de sala de imprensa, praças de tecnologia, áreas de descanso, entre outras. Da mesma forma, aproveite as oportunidades de colocar sua marca nas peças de comunicação visual utilizadas para promoção institucional do evento, tais como totens, sinalizadores, banners, balões.

Lançamentos e Mídia

Os lançamentos precisam de uma estratégia ainda mais direcionada para eles e devem fazer parte de todas as ferramentas de comunicação usadas para informar, incentivar e convidar seu público.  Não esqueça que tudo o que envolve comunicação precisa ser planejado e realizado com foco e antecedência.

Além da mídia espontânea gerada por uma grande feira de negócios em sua própria divulgação institucional, existe a possibilidade de a sua empresa utilizar individualmente os canais de comunicação para mostrar seus objetivos, produtos e posicionar a marca.

Esse trabalho é feito por uma empresa de assessoria de imprensa que, com uma estratégia específica e bem implantada consegue os melhores retornos de posicionamento de marca que toda empresa pode ter num evento.

Outro reforço muito importante para a estratégia de marca é ter pelo menos um profissional da equipe a dar uma palestra ou seminário sobre um tema de interesse do mercado como um todo. Isso geralmente acontece paralelamente à feira e traz muita credibilidade. Atenção: o tema apresentado não precisa estar ligado diretamente ao seu produto ou serviço. Deixe as ações comerciais para sua zona de “ataque”, ou seja, seu estande.

O estande

No estande identidade visual é tudo.  Um estande eficiente não precisa ser necessariamente grande ou suntuoso. Precisa estar bem localizado, ter visibilidade, uma boa área de exposição de produtos ou serviços e é claro boa circulação interna. É onde muitas negociações serão iniciadas. Sendo assim, ele deve ser o mais agradável possível, para que os visitantes da feira sintam convidados a entrar e conhecer a sua empresa, produtos e serviços.

É fundamental ter uma empresa especializada em arquitetura de estandes para estudar as necessidades da empresa e adequá-las com criatividade ao espaço que vai ocupar.

A equipe

No Brasil tudo é motivo de festa. E por muito tempo as feiras de negócios também tinham essa característica bem brasileira: oferecer muitos brindes, muita bebida e comida, enquanto os negócios vinham à reboque.

Hoje, com a atuação globalizada das empresas, os expositores das feiras de negócios por aqui tendem a seguir padrões do resto do mundo: foco nos produtos e serviços, no atendimento ao cliente, nas informações.

Nesse caso, o melhor investimento é escolher bem os profissionais que irão trabalhar no evento e treina-los para interagir com ética, pró-atividade e entusiasmo. E uma dica: se possível leve também seu pessoal de marketing.

Post anterior
Conheça os tipos de shoppers e como conquistar a atenção de cada um deles
Próximo post
A importância do trade marketing nas ações para Black Friday

Recentes

Menu